Alta Floresta (MT), 11 de dezembro de 2019 - 23:57

Geral

13/08/2019 07:20 Fonte: Folhamax

Cuiabá completa 95 dias sem chuva

Cuiabá está completou nesta segunda-feira (12) 95 dias sem chuva. Par complicar ainda mais a vida e a saúde do cuiabano, a umidade relativa do ar permanece abaixo do recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e não há previsão de chuva para os próximos dias. 

A última chuva na Capital foi registrada no dia 9 de maio, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e são poucas as chances de chuva nos próximos dias. Até domingo (18), a previsão aponta apenas 5% de probabilidade de chover.

 

A umidade do ar fica entre 18% e 49%. Com o ar mais seco, um dos problemas mais comuns é a respiração que fica menos lubrificada o que pode gerar até o sangramento nasal. Outro efeito é o aumento da transpiração, com maior perda de líquido do corpo para o ambiente. Segundo a OMS, o nível ideal de umidade do ar para o organismo humano fica em torno de 40% e 70%.

O nível do Índice Ultravioleta (IUV) está em 9, ou seja, configura na categoria muito alto – que vai de 8 a 10. O nível extremo é de 11. O IUV é uma medida da intensidade da radiação UV, relevante aos efeitos sobre a pele humana, incidente sobre a superfície da Terra e representa o valor máximo diário da radiação ultravioleta. Isto é, no período referente ao meio-dia solar, o horário de máxima intensidade de radiação solar.

Altas temperaturas

A semana começa com sol forte e poucas nuvens, a máxima prevista é de 36° e mínima de 19°. 

A terça-feira (13) segue com as mesmas condições, e a máxima pode chegar a 37° e a mínima de 20°.

Já na quarta-feira (14), o calor ameniza um pouco e a máxima fica em torno dos 31° e a mínima de 17°. 

Na quinta-feira (15), a máxima volta a subir e a previsão é de fique em tono de 36° e a mínima pode chegar a 15°. O fim de semana continua com sol forte e umidade relativa do ar baixa.  

Na sexta-feira (16), os termômetros devem marcar máxima de 36° e mínima de 23°. 

No sábado e domingo (17 e 18), as altas temperaturas devem chegar aos 38°. As mínimas ficam em torno dos 25°, no sábado, e 20°, no domingo.   

Fumaça

Agosto é um período crítico em Mato Grosso devido ao calor e baixa umidade, o que facilita o aumento de focos de incêndio. Desde quinta-feira (8) o Batalhão de Emergências Ambientais está combatendo um incêndio no Parque Estadual da Serra de Ricardo Franco, em Vila Bela da Santíssima Trindade.

A unidade de conservação estadual se localiza na fronteira com a Bolívia. Além disso, durante a semana registraram casos e combateram focos de incêndios em municípios como Sapezal, Sorriso e Cuabá.

Sem previsão de chuva ou de redução da temperatura até o final de agosto, a população precisa colaborar com os órgãos de fiscalização e controle para que não se repita o quadro dos anos de 2007 e 2010, anos mais lembrados pela fumaça intensa.   Em todas as áreas do Estado, o sol predominará e a temperatura ficará estável.


Editorial progresso11

Progresso FM 102,1

Av. Ludovico Da Riva Netto, 3274
Alta Floresta/MT - CEP 78580-000
Fone (66) 3521-3501 ou 3521-8188

 

 

Redes Sociais

Alta Floresta
Carregando...

? ºC

/

Proibida a reprodução de conteúdo sem citação da fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo