Alta Floresta (MT), 17 de junho de 2019 - 23:49

Saúde

21/03/2019 09:22 Fonte: Rádio 2

Brasil vai perder certificado internacional de país livre de sarampo

O Brasil vai perder o certificado de país livre do sarampo concedido pela Organização Pan-Americana de Saúde, a Opas.

Isso porque, o Ministério da Saúde tem conformado casos da doença no Brasil há 12 meses e esse é o critério para que o comitê internacional retire o certificado.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, o primeiro registrou de pessoa infectada por sarampo dentro do território brasileiro ocorreu em 19 de fevereiro de 2018.

E, no último dia 23 de fevereiro, o Ministério da Saúde comunicou um novo caso da doença no Pará, completando, assim, um ano de circulação do vírus do sarampo no Brasil.

Vale lembrar que o país viveu um surto da doença no ano passado, com mais de 10 mil casos registrados, especialmente no Amazonas e em Roraima e, em sua grande maioria, atribuídos à importação, já que o sorotipo do vírus é o mesmo que circula na Venezuela.

Este ano, até o último dia 19 de março, 48 casos de sarampo no Brasil foram confirmados em laboratório.

Deles, 20 estão relacionados a casos importados e 28 a casos endêmicos, ou seja, oriundos de dentro do território nacional. Desses 28 casos, 23 foram no Pará e cinco, no Amazonas.

O Ministério da Saúde anunciou que vai trabalhar para retomar o certificado de país livre de sarampo nos próximos 12 meses.


Editorial progresso11

Progresso FM 102,1

Av. Ludovico Da Riva Netto, 3274
Alta Floresta/MT - CEP 78580-000
Fone (66) 3521-3501 ou 3521-8188

 

 

Redes Sociais

Alta Floresta
Carregando...

? ºC

/

Proibida a reprodução de conteúdo sem citação da fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo